top of page
  • Foto do escritorCintia Ferreira

As regiões Vínicas



Portugal tem 14 regiões vínicas. Hoje, vou explicar um pouco pra vocês destas regiões e como elas podem ser tão interessantes. As regiões são subdivididas em DOPs (Denominações de Origem Protegida) e segundo o IVV (Instituto da Vinha e do Vinho) já são cerca de 31 DOPs. A cultura vitivinícola em Portugal está bem incorporada, e desde a ocupação do Império Romano, no Século III há a fabricação de vinho.

No setor de vinhos, as últimas tendências dentro dos países que têm se destacado e ganhado muitos prémios por qualidade no setor, temos tido, sim Portugal! E não é fruto do acaso, mas sim de anos de aprimoramento de técnicas de produção aliados a uma cultura de respeito e pesquisa ao solo, clima, boas práticas vínicas e muita paixão pelo que se faz.

Uma das regiões que tem se destacado pela qualidade e quantidade de exportações, tem sido a IGP (Indicação Geográfica Protegida) Lisboa.

Aqui, desde o século XII com os monges da ordem de Cister (vindos de França) temos a cultura vínica bem conseguida. Sendo uma das maiores regiões vitivinícolas de Portugal, se destaca com vinhos brancos de caráter mineral e refrescantes (Arinto, Fernão Pires, Verdelho...) e tintos empolgantes com um toque de pimenta e muita fruta vermelha (Alfrocheiro, Castelão, Pinot Noir, Merlot). Somos rendidos à esta região e por isso, como não poderia deixar de ser, fazemos tour pra cá! Temos em nosso cardápio Quinta do Monte Doiro (e sua agricultura biológica), a queridíssima Adegamãe, e muitas outras! Quer aproveitar um final de semana em meio as vinhas, e estás aqui por Lisboa, manda uma mensagem! Teremos imenso prazer em te contar toda a história! Somos especialistas em vinhos e em fazer pessoas felizes!

6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page